• Karoline Hoffmann

Como manifestar seu descontentamento por falha de produto/serviço nas redes sociais?

Atualizado: 17 de set. de 2020


Contratou um buffet para sua festa e a comida estava péssima? Comprou uma geladeira e ela esquenta sua comida? Infelizmente nem sempre tudo funciona como esperamos. E hoje, com as redes sociais, a primeira coisa que pensamos em fazer quando a nossa expectativa de consumidor é frustrada é sair falando tudo de mais ofensivo que conhecemos em posts de nossas redes sociais, ou nas páginas de fornecedor.

Mas pode isso? Reclamar, pode! Mas existem formas de fazer isso. Não adianta sair mordendo o teclado escrevendo tudo que o coração enraivecido manda, afinal, estas palavras podem servir contra vocês.

Vamos dar um exemplo: O #consumidor Geralt comprou uma geladeira da marca Unicórnios e depois de 11 meses de uso a geladeira não gelava mais.

O QUE ELE NÃO DEVERIA FAZER:

Geralt publicou na página do #Facebook da Unicórnios:

Hoje a porcaria da geladeira dessa empresa de m**** passou a esquentar minha comida. Onze meses de uso e essa b**** deu perda total. Nada dessa marca presta. Não comprem nenhuma porcaria desta empresa. São uns filhos da P***, tem mais é que se F*** e não vender mais porcaria nenhuma!!!

O QUE ELE DEVERIA FAZER:

Geralt publicou na página do #Facebook da Unicórnios:

Gostaria de narrar a péssima experiência que tive com esta empresa. Dia 02 de janeiro de 2018, onze meses após comprar uma geladeira duplex da marca Unicórnios, a mesma parou de gelar. Entrei em contato com a fabricante, que me prometeu buscar em 24h e deixar outra no lugar enquanto realizavam os reparos, pois ainda está na garantia. Já se passaram 27 dias, eu ligo todos os dias e a promessa é a mesma. Estou usando a geladeira do meu vizinho pois não tenho condições de comprar uma nova. Tenho anotados todos os protocolos de atendimento, com datas, hora e nomes das atendentes. Terei de buscar minha indenização (porque não quero mais uma Unicórnios na minha casa) por via judicial, mais tempo e incomodação pela frente. Frustrante o descaso do pós-venda desta marca.

Conclusão, antes de transferir sua raiva para o teclado, faça todos os procedimentos de contato com o fornecedor (telefone, whats, sms, Messenger, e-mail), para tentar resolver seu problema e se ainda assim não resolver pode dar o seu feedback nas redes, mas tenha bom senso ao escrever (lembre-se que existe uma linha tênue entre liberdade de expressão e ofensa). Na dúvida? Consulte seu advogado!

13 visualizações0 comentário